As 5 etapas da Produção Musical

por | 26 out, 2018

Hoje vamos conhecer as 5 etapas da Produção Musical e a importância de cada uma no resultado final do projeto. Vamos conhecê-las?

1. Escolha das Composição

É na composição que nasce a música. É a matéria prima para o nosso trabalho. Sem uma boa música estamos fadados ao fracasso, por isso é extrema importância começar com o pé direito.

Nessa etapa temos que analisar as composições do Artista ou Banda, e escolher as melhores para o projeto.

Se o artista não dispõem de boas composições é necessário buscarmos junto ao nosso portfólio de compositores parceiros músicas boas para o artista.

Uma escolha errada nessa etapa pode ser fatal, afinal de nada adianta uma música ruim bem produzida. Seria como colocar brincos de ouro em orelhas de porcos.

2. Pré Produção

Com a música (s) em mãos partimos para a próxima etapa do planejamento que damos o nome de Pré Produção.  Nessa etapa definimos vários detalhes do projeto como:
– Orçamento financeiro da Produção.
– Definição do Tonalidade ideal para o Cantor.
– Escolha dos Músicos participantes.
– Criação dos arranjos, etc.

3. Gravação

Com tudo acertado na etapa de Pré Produção ai sim partimos para a gravação. Etapa que se deve seguir a sequência pre definida na Pre Produção e que consiste em gravar todos os instrumentos e vocais e elementos sonoros que irão compor a música.

Que pode ser feita de basicamente 3 formas:
– Ao vivo com a banda tocando tudo junto (Show)
– No estúdio com a banda também tocando junto.
– Em overdubbing, onde cada instrumento é gravado separadamente, ou até mesmo uma mistura destas 3 opções acima.

4. Mixagem

É na Mixagem que teremos todos os elementos (ingredientes) para fazermos a mistura para deixarmos o bolo (música) gostoso de ouvir!

Se falharmos nas etapas anteriores teremos ingredientes de má qualidade e  como consequência um resultado comprometido.

É nesse etapa que podemos:

– Corrigir alguns erros que vieram da etapa de gravação como: Ruídos, afinação, instrumentos fora de tempo etc.
– Ajustar volumes
– Equalizar para que todos os instrumentos possam ser ouvidos em equilíbrio.
– Cuidar da dinâmica dos instrumentos individuais para que se consiga um bom volume geral.
– Adicionar efeitos para criar ambiência na música conforme necessário, etc.

5. Masterização

É o último processo na cadeia da produção musical e é responsável para dar o acabamento final nas músicas do álbum ou single e demais ajustes.

E nesse processo que trabalhamos a música como um todo e não mais em elementos individuais, onde o engenheiro de Masterização vai cuidar da músicas para que façam parte de um álbum ou single.

Alguns detalhes que são cuidados nessa etapa são:

– Correção de equalização se necessário
– Trazer abertura stereo para música.
– Ajustar a pressão sonora da Música segundo o tipo de mídia final.
– Renderizar a faixa nos formatos que serão usados pelo artista. Seja eles para: CD, Vinil, Plataformas Digitais, etc.

Conclusão

Como você pode perceber o processo da Produção Musical é uma sequência de etapas. Cada um tem a sua importância no resultado final. É como a construção de um imóvel, se bem planejado e executado ficará lindo, se não, terá sérios problemas.

Como assinante do Portal Reaper Experts você terá acesso a todo o conhecimento que precisa para aprender a produzir suas Músicas do Zero, ou se aperfeiçoar em algum aspecto específico da Produção Musical.

Venha estudar hoje mesmo conosco, aguardo você no Portal.

Forte abraço

Márcio Mourão

O Reaper Experts é o maior portal de conhecimento para usuários do REAPER no Brasil.